20 May 2017

Harry Bertoia - Sound Sculptures

"A Pátria está mais uma vez a atravessar um espasmo nacionalista por causa da vitória dos irmãos Sobral na Eurovisão. Isto é por surtos, agora vai haver 15 dias de celebrações, cheias de grandes frases, cheias de peito feito, por parte de quase toda a gente que nem sabia que Salvador Sobral existia. (...) Subitamente tudo parece possível, o interesse pelo português sobe em flecha, o lirismo passa a receita universal, Portugal é o maior, e duas pessoas, os irmãos Sobral, passam do anonimato para heróis nacionais. (...) Ninguém o disse melhor que o senhor Presidente da República, que afirmou que 'a vitória na Eurovisão deu mais 20 centímetros aos portugueses' (cito o PÚBLICO). Sim, excelente, andamos todos com mais 20 centímetros, mas onde é que está o metro e meio que perdemos como nação há 20 anos para cá, com a perda de poderes do Parlamento português, com a assinatura de tratados como o Orçamental, com a subjugação a um modelo de crescimento medíocre em nome das 'regras europeias', com acordos como o Acordo Ortográfico, que fez proliferar as normas da ortografia do português, em vez de as unificar, ficando nós com a mais pobre, com os cortes no ensino da língua e da projecção da cultura, com a ênfase na diplomacia económica e o definhar das instituições como o Instituto Camões?" (JPP)
"Se calhar, podemos fazer parte da mudança. E fazer com que o Festival da Eurovisão possa ser como quando os nossos pais eram pequeninos" (Salvador Sobral à Revista "E"/"Expresso")

... mas, moço, quando os vossos pais eram pequeninos, o Eurocoiso já era a merdunça que sempre foi... (excepto se observado pelo ângulo mais favorável... também ele já desaparecido)

19 May 2017

Gozaram com o homem e, afinal, havia mesmo fantasmas

Oficialmente confirmado: les portugais sont toujours gais (LXVIII)


.... e, reassumindo o papel de "sit-down comedian" (agora em modo "stand-up"), candidata-se a um lugarzinho como "entertainer/baby sitter" de universitários croatas (mas não se escusando a proferir afirmações de densíssimo conteúdo como aquela em que defende que os portugueses são um "povo realista mas romântico" e "os azulejos e o fado são exemplo disso mesmo")
... sendo assim, encaixotava-os juntamente com os santinhos Jacinta e Francisco e despachava-os rapidamente para o Pantelhão (proposta já, noutra ocasião, ignorada, mas que se lixe)
Hurray For The Riff Raff at American Songbook 

18 May 2017

... e então?... não é menos do que o Relvas e o "bicoze dize ect izaect detuidu"...

O Mestre
Les portugais sont toujours gais (LXVII)


Isto ainda vai dar para umas semanitas... (mas, pelo menos,
o Augie "Mad Dog" SS é um "especialista")
Brian Eno: "Don't get a job"